Tomo conta do mundo

Recentemente li o livro “Tomo Conta do Mundo”, da querida Diana Corso. Querida sim, pois apesar de não conhecê-la pessoalmente, posso considerá-la íntima por ter me acompanhado nas minhas viagens, noites e finais de semana. Ler um livro do começo ao fim, pelo menos para mim, que sonha com uma noite inteirinha de sono ininterrupto, tem sido tarefa não muito fácil nos últimos meses, nos últimos anos para falar a verdade. Mas a minha história com o livro não entra no seu conteúdo (apesar de recomendar a leitura) e sim no seu título. Talvez isso o tenha tornado tão interessante.

Quando me deparei com a frase “tomo conta do mundo”, não poderia ter me identificado mais. Quanta pretensão a minha não? Filhas, casa, casamento, trabalho, família, médicos, médicos da família, amigos, ufa, uma lista inteira que se desdobra em prioridades que eu mesma me coloquei e me cobrei para estar sempre em dia. Claro que prazos e compromissos são importantes, mas a forma como eu priorizava tudo, me deixava em dívida com um dos mais importantes dos meus valores, as relações. 

Em meus atendimentos como coach, algumas mães trazem a busca pelo equilíbrio e harmonia nas diversas dimensões de suas vidas. A identificação de valores pode contribuir com a importância e o foco que cada uma de nós deseja atribuir nas nossas listas de prioridades e qual o melhor momento para direcionar nossos esforços. No meu caso, descobri que eu não tomo conta do mundo, tomo conta do que é importante em mim.

E você…

  • O que é prioridade para você?
  • De que forma você atribui aos seus valores a sua lista de prioridades?
  • De quais atividades você estaria disposta a abrir mão?
  • Quais atividades você gostaria de incluir?
  • O que você tem feito por você mesma?

 

Cristiane Vicchiato | Coach, cofundadora da Eight∞ Coaching, administradora

E-mail: cristiane@8coaching.com.br/

Autor: Daniella Zaccai Somekh

Compartilhe!

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 
Share This