Quando a Cesariana Demora para Cicatrizar

-

Cesarianas já representam mais de 84% dos nascimentos na rede particular e 40% na rede pública no Brasil. Apesar de o procedimento cirúrgico ter se tornado comum, trata-se de uma cirurgia de médio porte – onde é feita uma incisão transversal do abdômen da gestante de aproximadamente 12 centímetros e sete camadas de pele são cortadas – com um pós-operatório que exige muitos cuidados para que a cicatrização interna e externa dos tecidos seja satisfatória.  

No artigo de hoje separei, além dos principais cuidados pós cesariana, algumas das principais dúvidas que rondam o tema. Confira:  

Repouso – Sem repouso, não há cicatrização. A minha recomendação é que você fique por, pelos menos, 15 dias repousando. Além do corte, seu útero também estará retornando ao tamanho normal, portanto ocupe-se apenas com o bebê. Após essas duas semanas, já será possível retirar os pontos – caso a cesária tenha sido feita com fio de sutura não absorvível.  

Cuidados com o corte   A limpeza da região do corte é fundamental. Limpe-a apenas com água e sabão e mantenha o local bem seco após a lavagem. Cremes sobre o corte nem pensar e, caso tenha tendência a formação de queloides, fale com seu médico para cuidados adicionais.  

Fique atenta aos sinais do seu corpo – Após o período de recuperação, você já pode retomar algumas atividades simples como dirigir, por exemplo. Entretanto, pare imediatamente se o abdômen começar a doer. A dor é o sinal vermelho do nosso corpo, serve como alerta de que “você chegou ao limite”. Lembre-se que o seu organismo ainda está se recuperando. Desacelerar, neste caso, significa evitar a abertura do corte e a formação de hérnias. 

Atividades físicas? Espere   Em um mês você já pode começar a caminhar, mas aconselho que aguarde de dois a três meses para voltar a praticar outros tipos de atividades físicas, como exercícios abdominais. A parte do musculo cortada, demora mais para cicatrizar. Cada mulher se recupera de forma distinta, então, espere o “start” do seu médico.  

Fique de olho no sol –  Se você é adepta do sol, melhor dar uma pausa. Tomar sol na região da cicatriz é contraindicado por seis meses. Do contrário, a cicatriz ficará escura.  

Observe possíveis alterações no seu corte – Caso você note que a pele ao redor do seu corte esteja inchada, avermelhada, quente ou eliminando secreções e, ainda, tenha febre e perceba que a dor, ao invés de diminuir, está aumentando, procure o seu médico imediatamente.

Principais dúvidas:

Quanto tempo leva para uma cesárea cicatrizar completamente
Como dito anteriormente, a cicatrização de uma cesária ocorre em 15 dias. Entretanto, todo o processo para atingir seu aspecto final, além de sua resistência a trações pode durar de 12 a 18 meses.  

A cicatriz pode inflamar? O que ocasiona essa inflamação? 
Sim, como qualquer outra. Um dos principais fatores que podem levar a uma inflamação na cicatriz são o encravamento de pelos pubianos, reação ao fio de sutura e esforços físicos precoces. 

O que é queloide? Quando ela ocorre?
É uma cicatriz espessa, elevada e de superfície lisa que ocorre na pele. Ela se estende à incisão cirúrgica e forma nódulos na cicatriz. A queloide ocorre em ambos os gêneros, mas nas mulheres a predominância é maior. Costuma ser mais comum em pessoas negras e de origem oriental.  

O atrito promovido pela roupa pode prejudicar a cicatriz? 
Sim. O atrito da roupa prejudica a cicatriz pela inflamação crônica que causa, conforme a sensibilidade pessoal da pele. O fator inflamatório é agravado por roupas sintéticas, de poliéster ou microfibra. Por outro lado, pode ser facilmente prevenido com vestimentas de algodão ou linho. Vale lembrar que em cicatrizes de cesárea recentes, o uso de calcinhas de algodão é o mais indicado.  

Dr. Thomas Moscovitz | CRM 82581 | Ginecologista e Obstetra  

Compartilhe esse texto