7 Dicas – Mudança de escola

-

Um assunto tem sido pauta constante na minha família desde a nossa mudança de casa e de bairro em 2016. A quantidade de informações e opções de escolas particulares em São Paulo, me fez abrir os olhos para outras oportunidades e também questionar modelos atuais, antigos e inovadores.

Valores financeiros à parte, cuja diversidade também entrou na gama de opções da minha busca, mas que não é o foco dessa conversa, confesso que em muitos momentos me vi confusa e para falar a verdade, achei bem difícil e angustiante essa tarefa.

Como resultado de uma infinita combinação de variáveis como metodologia de ensino, localização, quantidade de horas na escola, incentivo à atividades esportivas, espaço físico, quantidade de tempo meu com as crianças, quantidade de tempo livre para mim e para as crianças, bilinguismo, alimentação, para não citar outra infinidade de fatores, resolvi que não estava preparada para uma mudança nesse momento, o que não significa que esse assunto tenha saído da roda de conversas das minhas amigas mães e da família.

Algumas perguntas que eu compartilho abaixo me ajudaram com as minhas descobertas e processo de decisão. Se vocês estiverem passando pelo mesmo processo, fica a torcida para que ajudem vocês também!

 

1- O que você considera importante na escolha da escola para seu filho?

2- Do que você está disposta a abrir mão? Ou do que você já abre mão nos dias de hoje?

3- Quais valores éticos e comportamentais você entende serem imprescindíveis em uma escola?

4- O que você mudaria na escola em que seu filho estuda?

5- O que faria você mudar seu filho (s) de escola?

6- Que tipos de atividades promovidas pela escola engajam você e a sua família? Como gostaria de participar mais?

7- Se tivesse a oportunidade de escrever uma carta para seu filho justificando sua escolha, como seria essa carta?

 

Cristiane Vicchiato | Coach, cofundadora da Eight∞ Coaching, administradora

E-mail: cristiane@8coaching.com.br/

 

 

 

Compartilhe esse texto