Como cobrir espinhas com maquiagem

-

O post de hoje é um apanhado de dicas para quem tem dificuldades na hora de cobrir as espinhas.

– Quando a espinha ainda estiver pequena e nascendo, aplique um produto que seque espinhas e deixe-o agir antes de dormir. Eu tenho poucas espinhas, mas quando tenho uso o Acne Blemish Control Daily Skin-Clearing Treatment, da Kiehl’s.

– Sempre limpe a pele, depois tonifique e hidrate. Não é só porque a pele é oleosa que você não deve hidrata-lá. A única diferença é que o ideal é usar hidratantes em gel.

– Água termal é uma ótima aliada para peles oleosas. Não sabe o que é e para que serve a água termal? Já falamos sobre esse tipo de produto aqui no Mamis, leia tudo neste post.

– Para que a cobertura da espinha fique mais natural, faça em camadas. Comece com um primer que controle a oleosidade, como o PhotoFinish Foundation Primer da Smashbox (falamos deste produto neste post); ou um que disfarce poros, como o POREfessional da Benefit.

– Use um corretivo verde em cima das espinhas avermelhadas, antes de passar a sua base, bem esfumadinho. O corretivo verde neutraliza manchas vermelhas, principalmente espinhas. Serve para esconder vasinhos, cicatrizes com esse tom e nariz de gripe.

– Em seguida, passe uma base matte, em uma camada fina. Se precisar, aplique mais uma. Dica de base para pele oleosa: Magic Foundation da Charlotte Tilbury.

– Depois da base aplicada, passe para o corretivo escolhido, que deve ter  um alta cobertura, e ser aplicado com um pincel gordinho de cerdas firmes sobre a espinha. O que eu tenho usado e amado é o Naked Skin da Urban Decay (farei em breve um post sobre ele!).

– Finalize a maquiagem com um pó translúcido bem fininho, com um pincel fofinho. Uso o Prep+Prime Transparent Finish Powder da MAC ou o Ultra HD Loose Translucent da Make Up Forever.

Compartilhe esse texto