barra

1. Na hora de amamentar o bebê, é interessante estar em um ambiente arejado, calmo e sem interrupções, isto desde o início da amamentação. Para as mamães com bebês maiores, se tiver algo que o distraia e chame a atenção, isso irá atrapalhar o processo de amamentação.

Outro ponto para prestar atenção é o humor da mãe. Caso ela esteja estressada ou com pressa para amamentar, isso será passado para o bebê, e todo esse stress afetará o processo, fazendo com que a amamentação não flua.

2. A importância de trocar de seio na mamada. Nós sabemos que o peito não é estoque, e sim fábrica, portanto quanto mais o bebê suga o peito da mãe, mais leite é produzido. Algumas mulheres tem mais facilidade em amamentar em um lado dos seios, e isto pode fazer com que as mamas fiquem com tamanhos desiguais, inclusive, podendo permanecer desigual após o período da amamentação.

3. Outra dica importante é a de apoiar o bebê, por isso, é fundamental o uso da almofada de amamentação, pois ela irá apoiar o bebê e o braço da mãe também ficará com apoio.

Muitas mulheres não usam a almofada e queixam-se sobre dores musculares, principalmente na região dos ombros, pois ficam tensas e contraem durante a amamentação.

4. É fundamental alterar as posições durante a amamentação. O seio e suas estruturas são desiguais, desde a parte superior e inferior, externa e interna. Por isto a importância de alternar as posições, pois isso irá aliviar a dor caso o seio esteja machucado em alguma região. Você mudando o bebê, ele não vai fazer força no local machucado.

5. Uma dica importante para o alívio de empedramento é sempre posicionar e realizar a amamentação com lábio inferior do bebê posicionado no local onde está empedrado. Isto porque o lábio inferior trabalha a força e ajuda no esvaziamento da mama.


6. Dica para as mamães que tem mamas volumosas. Quem dera a mulher fosse como um polvo, cheio de braços para realizar várias tarefas.

Para quem possui mamas volumosas e não vai aguentar segurar a ama durante todo este período, é interessante fazer um rolinho com toalha e colocar embaixo da mama para dar sustentação, ou então, enrolar uma fralda grande, passando pela mama e amarrando-a no pescoço. Isso fará com que a mama fique com sustentação.

7. A próxima dica é sobre o posicionamento da lactente, ou seja, da mãe que está amamentando. É importante estar em um poltrona confortável, ou alguma cadeira que você consiga ficar em uma posição relaxante e confortável, onde esteja com os 2 pés apoiados no chão. Nunca amamente com as pernas penduras, por exemplo, ficar com a perna pendurada na cama. Para quem tem poltrona de amamentação com puff, revezar os pés durante o processo.

Sobre a Home Baby Assessoria

Enfermeira obstetra e especialista em cuidado materno infantil, Aline Fernandes é uma daquelas pessoas que é incrível ter por perto. Em 2014, após anos dedicada aos cuidados com gestantes e pós parto na maior maternidade do Brasil, fundou a Home Baby Assessoria, empresa que atualmente é o maior canal de serviços e soluções para famílias que querem abraçar a maternidade e viver momentos inesquecíveis de aprendizado e adaptação.  Sua equipe especializada com ampla experiência tem como principal objetivo apoiar a mamãe e a família em todas as fases da gestação, amamentação e cuidados com o bebê após o nascimento.

Instagram: https://www.instagram.com/homebabyassessoria/
Youtube: Home Baby Assessoria
Demais contatos: https://linktr.ee/homebabyassessoria