barra
Minha resposta vai começar no seu quintal; fique comigo. Você está segurando uma mangueira, liga a água e ela dispara através da mangueira e sai pelo bico. 
A água está se movendo porque está sob pressão. Da mesma forma, quando o coração bate, cria pressão que permite que o sangue “regue” o corpo com os nutrientes que estão no sangue.
Três coisas afetam a quantidade de pressão que empurra o sangue pelo seu corpo: a força que o coração bombeia, a quantidade de sangue existente e o quão estreito são os menores vasos sanguíneos. 
Esse último pode precisar de alguma explicação. Quando você está regando as plantas e deseja que o fluxo de água vá além, o que você faz? Você reduz o bico. Estreitar a abertura pela qual a água flui aumenta a pressão, e a água é capaz de alcançar o canteiro distante.

O que afeta a força do coração? Vários hormônios do corpo, principalmente epinefrina e norepinefrina, afetam o coração para bater mais rápido e com mais força. Esses hormônios são produzidos pelas glândulas supra-renais (localizadas logo acima dos rins). Exercício e medo causam aumentos nesses dois hormônios, o que é bom: seu coração precisa trabalhar mais quando você se exercita ou quando pode precisar fugir de algo assustador. No entanto, ansiedade e estresse crônicos também aumentam esses hormônios, e isso não é bom. Durante um dia estressante, seu coração bate mais rápido e com mais força, e sua pressão arterial aumenta. Algumas doenças incomuns – não apenas ansiedade e estresse crônicos – também podem aumentar os níveis desses hormônios.

E o que afeta a quantidade de sangue que você tem? O sangue é parte água. Portanto, a quantidade de líquido que você bebe e a quantidade que perde com a transpiração e a micção afetam a quantidade de líquido existente no seu sangue. O sal ingerido também participa do equilíbrio do sangue. Alimentos salgados podem aumentar a quantidade de líquido no sangue. É por isso que as pessoas com pressão alta precisam usar o sal com moderação, e geralmente recebem diuréticos para ajudar os rins a eliminar o excesso de líquido e sal. Existem também algumas doenças incomuns que podem aumentar a quantidade de líquido no sangue.

O que afeta o quão estreito são os seus pequenos vasos sanguíneos (arteríolas)? Esses vasos sangüíneos têm círculos de músculo em suas paredes que podem prender e estreitar os vasos. O mesmo hormônio – noradrenalina – que agita seu coração mais rápido e mais forte também faz com que os vasos sanguíneos se apertem, aumentando a pressão sanguínea. Algumas doenças, como o diabetes ou o tabagismo podem remodelar esses pequenos vasos, deixando-os cada vez mais duros e menos elásticos.

Em outras palavras, a pressão alta – como a maioria das doenças – é influenciada por nossos genes e também por nosso estilo de vida. Atualmente, podemos fazer muito mais sobre o último…

Fonte: Harvard Medical School

Dr. Carlos Levischi

Médico, especialista em medicina pulmonar

Instagram: @carlos.levischi