Tireoide e Gestação

-

A gestação é um momento de grandes transformações no organismo da mulher. Todos os órgãos passam por adaptações na tentativa de preparar o corpo para receber o tão esperado bebê.

Com relação ao sistema endocrinológico é importante chamar atenção para a tireoide, já que quando está descompensada pode dificultar a fertilidade e ainda ser causa de aborto. Outro fato relevante é que durante os primeiros meses de gestação a tireoide do feto não está formada e todo hormônio tireoidiano que ele precisa vem da mãe! Então a importância do bom controle da tireoide deve ser redobrada durante a preconcepção e gestação!

Quem são as pacientes que devem ser investigadas para disfunção tireoidiana antes e durante a gravidez?

  • História de hipotireoidismo ou hipertireoidismo
  • Sintomas de disfunção tireoidiana (tabela 1)
  • Presença de bócio (figura 1)
  • História de tratamento com radiação na região da cabeça e pescoço
  • Cirurgia de tireoide
  • Idade maior que 30 anos
  • Diabetes tipo 1 ou outras doenças autoimunes
  • Parto prematuro
  • Mais de 2 abortos
  • História familiar de disfunção tireoidiana ou doença autoimune da tireoide
  • Obesidade mórbida – IMC>40
  • Uso de amiodarona ou lítio
  • Realização de exame com contraste iodado nos últimos 3 meses

Tabela 1 – Sintomas das disfunções tireoidianas

Tabela 1 – Sintomas das disfunções tireoidianas

 

Dra Stella Marandola Santiago | Médica Endocrinologista pelo HC-FMUSP CRM: 155.513 RQE 54.699

Tel.: (11) 5547-7796

Compartilhe esse texto