barra

No dia do seu noivado, ela foi com uma blusa de paêtes -print animal – vermelho – laranja, hiper cafona. No seu casamento ela foi de preto. Quando você anunciou que estava grávida, ela disse que não gostava de crianças. E sempre que pode, ela questiona como o filhinho dela pode gostar de você, já que a ex dele, é mais rica, mais magra, mais legal e mais magra (já falei magra?)destaque4

A sogra é por definição a mãe do marido, mas, exatamente no mesmo instante mágico e poético que você virou mãe, sua sogra foi automaticamente promovida à avó do SEU bebê!

Mas as sogras não são todas iguais, tem aquelas incríveis que  te ajudam no dia-a-dia, que você gosta da presença, que se tornam parceiras. Aquelas que são avós sensacionais, que pegam na escola, que brincam de guache, que trocam fralda de cocô…

O que define cada tipo de sogra?

Um dos fatores que interfere na formação da sogra é a “síndrome do ninho vazio”, como toda síndrome ela não tem uma única causa, mas vários fatores.

Uma mulher que abre mão da sua carreira, da sua vida social, do seu casamento, de praticar atividades intelectuais ou divertidas tudo para cuidar dos filhos, vai se tornando uma mulher monotemática. Sem graça… Não apenas para seu próprio marido, mas para a pessoa mais importante: ela própria!

A cobrança sobre as mulheres é enorme: ser intelectualmente ativa, ótima mãe, profissional exemplar, esposa dedicada e depilada.

Mas em nome de quem? Colocamos essas atribuições em contas. Tem a conta do chefe (deixei de ir na festinha da escola por causa da reunião), tem a conta do marido (deixei de ler um livro para passar camisa), e tem a conta dos filhos (deixei de trabalhar para cuidar da boa educação).

Um dia, essa conta chega, com juros e correção.

Mas o que fazer? A Mulher Maravilha não existe. Escolha dessas atribuições aquilo que TE completa. Se você precisa ter multitarefas para se sentir realizada, corra atrás delas hoje! Não culpe ninguém de não conseguir fazer. Se ao contrário, ser mãe, é pra VOCÊ o mais importante, dedique-se aos seus filhos de corpo e alma. Mas faça isso POR VOCÊ!

A emancipação feminina, ao contrário do que tentam nos incutir, não está em ser um “homem”. Está em realizar escolhas que NOS satisfaçam. Olhe pra você! E descubra onde você se sente mais valorizada.

Assim, quando seus passarinhos voarem (e se você fizer um bom trabalho, eles irão), seu ninho estará cheio de novas possibilidades, inclusive como avó.

Afinal, há grandes possibilidades de você se tornar sogra. De que tipo você quer ser?

Olha que linda essa música em hebraico que fala sobre isso <3

(Sério, vale a pena ouvir)

 

UF GOZAL:
Meus filhotes se foram do ninho
Bateram suas asas e voaram
E eu, um simples pássaro velho permaneci no ninho
Desejando muito que tudo de certo.

Sempre soube que chegaria o dia
Que precisaríamos nos despedir
Mas agora, este momento me veio tão de repente
Não importa,não posso dizer que não me preocupo

Voe filhote, cortando este céu azul
Siga voando ao sabor do vento
Mas não se esqueça, há  perigos neste céu imenso
Vê se te cuida.

Agora nos vemos sós no ninho
Mas nos estamos juntos
Abrace-me forte, diga que sim
Não se preocupe, envelheceremos lado a lado.

Eu sei que esta e a ordem natural das coisas
Assim como eu, um dia deixei o ninho
Mas agora, que este momento chega
Sinto um nó tremendo na garganta.

(Esse tema foi sugestão de uma Mami (não sabia se podia marcar rsrs), se você também tiver alguma, pode me mandar!)

Assinatura-Vanessa-300x128