barra

Falar é um gesto exclusivo da nossa espécie.

Transformar os sons de uma língua em palavras e recheá-las de sentidos.

Comunicar é mais do que um encadeamento fonético que somados foram palavras e frases. Discursar implica em relacionar-se. desenvolver

O que é necessário para desenvolver a fala? Em 7 passos! Que desafio! Resumir! Adoro desafios. E para uma pessoa como eu, que gosta mesmo de falar, é quase uma empáfia.

  1. Estar com o aparato sensorial sem alterações (audição, visão, tato, olfato, paladar).
  2. Ingerir alimentos variados em consistências: sólido (sim sólido! Não vale citar bolacha. Sólido é considerado algo que não derreta na boca, que exija mastigação, como por exemplo: frutas como maçã e carnes).
  3. Obter bom tônus (força muscular) da região oro-facial.
  4. Caso seja respirador bucal (apresentando baba, dificuldade manter a boca fechada para respirar) vale uma consulta ao pediatra e/ou otorrinolaringologista para avaliar estruturas como amígdalas e adenóides.
  5. Especialmente no caso das crianças pequenas: restringir o uso da chupeta aos momentos estressantes de fato. Não deixá-la disponível, ao alcance da criança, assim como não deixar a critério do pequeno a decisão de usá-la ou não. Como ela é um excelente sucedâneo (e estar relaxado é, na maioria das vezes, bom para qualquer ser humano) pode funcionar muitas vezes como um botão “mute” (quando usada excessivamente) podendo contribuir para o atraso de desenvolvimento de fala.
  6. Brincar com alguém (adulto ou outra criança), brincar sozinho. Falar em situações dialógicas e monológicas (sim! Todas as crianças que brincam sozinhas, produzem monólogos). Relacionar-se. Brincar de faz –de- conta. Brincar de jogos com regras. Brincar de esconder e achar. Brincar de criar regras. Brincar com brinquedos. Brincar sem brinquedos. Ficar um pouco entediado e ocioso. Alternar entre o silêncio e o barulho.direito-de-brincar1
  7. A língua é comum a todos os falantes de uma determinada comunidade. Assim, desde que a criança começa a falar (não me refiro a balbuciar ou murmurar, ações que antecedem a fala em si) podemos adequá-la à produção correta.

Claro que há uma expectativa de fala de acordo com cada idade (respeitando o desenvolvimento neuropsicomotor). Mas o que é comum a todas as linhas que tratam de desenvolvimento de fala e linguagem é que fale corretamente todos os fonemas até 4 anos de idade.

 

Malka Birkman Toledano| Fonoaudióloga Clínica,  Mestre em Fonoaudiologia,  Especialista em Linguagem, Estudos em Psicanálise