barra

Hoje em dia existem vários tipos de alisamento definitivo para os cabelos. Para ajudá-la a escolher o melhor tipo de alisamento para o seu cabelo, juntei neste post um pouco sobre cada um dos mais famosos do momento!

A grande diferença entre eles está nos componentes utilizados em cada um, que alteram o tempo de duração e como devemos cuidar dos fios depois do procedimento.

Alisamento Tradicional ou Escova Definitiva

A base de amônia, é o mais agressivo dos alisamentos, porém sua duração é, como o nome mesmo já diz, definitiva. Para tirar a química, só cortando os fios.

Indicação: em cabelos virgens ou com tonalizantes leves e em tons escuros.

Contra indicado: para cabelos loiros ou com reflexos, pois os fios perdem a cor e ficam quebradiços.

 

Escova Progressiva

Mais leve que o tradicional, tem como base o formol (na quantidade permitida pela Anvisa). Como o próprio nome diz, seu efeito é progressivo, melhorando seu cabelo a cada aplicação, que é feita em média a cada três meses, tempo médio em que a raiz cresce.

Indicação: Todos os tipos de cabelos.

Cuidados: Hidratações periodicas são recomendadas.

 

Escova Inteligente

Também mais leve que a Definitiva, ela tem como base de tioglicolato de amônia, mas em menor quantidade, o que faz com que a duração seja de até 4 meses.

Indicação: Todos os tipos de cabelos.

 

Alisamento francês

Super leve, dura 10 dias, já que só impermeabiliza os fios através de aminoácidos que fixam as proteínas nos fios do cabelo.

Indicado para cabelos com volume, já que esse processo reduz o volume dos fios.

 

Relaxamento

Tem como base tioglicolato de amônia, o hidróxido de guanidina ou de sódio. Só pode ser feito em cabelos crespos, resultando em cachos mais soltos e bem definidos, com volume reduzido. Sua duração é de 6 a 8 meses.

Indicação: cabelos crespos, armados e com frizz.

 

Alisamento Fotônico

Outro processo que leva hidróxido de amônia, e tem seu efeito definitivo nos fios – só precisa fazer retoque de raiz de acordo com a velocidade do crescimento dos fios de cada um. A diferença desse procedimento desse para a Definitiva é o processo, já que o alisamento fotônico usa luz de cor azul, que potencializa a absorção do princípio ativo, não alterando a estrutura interna do fio. Outra diferença desse procedimento é que junto com ele é feito uma nanoqueratinização, que repõe queratina e reconstrói a fibra capilar.

Indicação: Todos os tipos de cabelos.

 

IMPORTANTE: Gestante ou lactantes devem conversar com o médico antes de fazer qualquer tratamento químico.