barra

Que a obesidade aumenta o risco de Covid grave nós já sabemos. Entretanto, recentemente um estudo mostrou que a gordura visceral foi muito mais importante que a gordura subcutânea em predizer a gravidade do Covid.

Em outras palavras: sabe aquela gordura no fígado que sempre falamos em consulta e que muitos pacientes acreditam ser “normal”?
Pois é, essa gordura é um fator risco importante para complicações no Covid 19.

E o que fazer?

Vamos começar a entender que o caminho é um só? Vamos melhorar alimentação e aumentar exercícios físicos, especialmente musculação?

Chega de desculpas, pandemia não pode mais ser motivo para mantermos comportamentos que só pioram nossas condições de saúde! Vamos mudar, e que seja hoje!!