barra

Aproximadamente 80% dos cálculos renais são compostos por cálcio, sendo 70% oxalato de cálcio e 10% fosfato de cálcio.

A formação dos cálculos renais se deve a diversas anormalidades metabólicas. Entre os principais fatores implicados estão a baixa ingesta de água e a eliminação aumentada de cálcio na urina.

Estudos mostram que a eliminação de cálcio urinária aumenta no inverno, o que consideramos um fator de risco para aumentar a formação de cálculos.

Por isso, mesmo durante o inverno, capriche na água e evite ingesta de sal. Sabemos que esses fatores podem se somar e aumentar a formação dos cálculos de forma silenciosa.

Quem já teve cólica renal sabe que um dia esse silêncio pode sumir e uma das piores dores da vida pode aparecer: a cólica renal!

 

Por isso insisto na prevenção da formação dessas pedras, e no estudo metabólico e bioquímico dos cálculos.
E não se descuidem no inverno!