barra

Olá Mamis! Como diminuir o uso de telas para crianças e adolescentes? Seguem 7 dicas para te ajudar nessa difícil tarefa.

Como diminuir o uso de telas para crianças

1. Identificar quando você responsável, recorre ao uso com seus filhos,(criança ou adolescente), e pensar em estratégias saindo do piloto automático.

Muitas vezes, somos nós que estimulamos o uso, sem ao menos perceber. Esse comportamento vira um hábito como se fosse um aliado às nossas “necessidades”. Nosso papel na diminuição do tempo, é planejar estratégias não habituais, assim como fazemos quando ficamos sem energia, por exemplo! Dê o primeiro passo! Se a mudança começar por nós, tornará o processo mais fácil!

2. Diminua o tempo de uso de forma gradativa.

Não adianta querer retirar drasticamente! Uma alternativa radical, com certeza, terá a chance de cooperação e de adesão bem reduzida.

3. Não associe a diminuição do uso das telas com punição/castigo!

Conforme retirar proponha substituições, como um jogo de adivinhação para as crianças ou uma partida de “truco” para os adolescentes, por exemplo!

4. Estabeleçam metas e lugares

onde o uso será reduzido em conjunto!

5. Diminuir as cobranças pessoais com as tarefas de casa

assim como incluir seus filhos nessas atividades pode ser um excelente aliado;

6. Antes das refeições promova atividades das quais seus filhos gastem bastante energia

e durante as refeições proponha atividades que estimulem a concentração, como desenho, jogo da velha e adivinha. Já para os adolescente, promova diálogo com assuntos do cotidiano deles para haver interesse!

7. Priorize brincadeiras e passeio ao ar livre e interaja com seu filho.

Não adianta levá-los ao parque, museu ou qualquer outro passeio, se você não estiver emocionalmente presente e feliz pelo momento. O mesmo vale para os adolescentes!Dica extra: Não se renda ao “tédio”, principalmente do adolescente! Lembre-se que o uso excessivo promove essa sensação, pois não há estímulos visuais e auditivos intensos. Acredite: o ócio é uma excelente para a criatividade, imaginação e capacidade de resolver conflitos, além de ajudar a aprender a esperar!

Tanto as crianças quanto os adolescentes se interessam muito pelas nossas vivências! Explorá-las como ferramenta é um excelente recurso! Agora você já sabe como diminuir o uso de telas para crianças.

 

Roberta Ocaña | Psicóloga Materna Infanto Juvenil | Pós Graduada em Psicologia da Infância|  Especialista em Ludoterapia|
Atendimento Presencial e Online | 11-99757-2125