7 Dicas para se preparar pra chegada do 1º Bebe

-

Mamis, eu como uma boa Mamis de primeira viagem fiz de tudo pra me preparar ao máximo pra chegada do meu bebê. Com certeza esqueci alguma(s) coisa(s), mas quero dividir com vocês o que eu lembrei de fazer, para tentar ajudá-las! Vamos lá?

1. Curso de preparação para o parto: pode parecer bobagem, mas não é. Existem diversos lugares que dão esse tipo de curso, como o Hospiral Albert Einstein e a Célula Mater. Eles abordam desde a preparação para o parto em si (seja ele vaginal ou cesária), passando por amamentação (com dicas!) até aulas práticas de como dar banho em um bebê recém nascido. Experiência incrível para ser feito em casal.

2. Lave as roupinhas: você já tem seu enxoval pronto? Comece a lavar as roupinhas do bebê aos poucos, com sabão de coco líquido (seja na máquina, o que der, ou na mão), para não ter que correr mais perto da chegada dele. As roupinhas para usar na maternidade, lavei com 30 semanas de gestação, e as RN e 0-3 meses, entre a 32ª e 33ª.

3. Visita à maternidade: importantíssimo você ir visitar, tirar todas as suas dúvidas, conhecer o quarto, saber como funciona os tramites (te deixam amamentar ainda na sala do parto? Quem acompanha o bebê da sala de parto até o berçario? – coisas assim), analisar a segurança e acessibilidade no andar da maternidade, conhecer o quarto, ver toda a dinâmica, pegar a lista de coisas que precisa levar no dia, saber quais testes são feitos no bebê ao nascer, se eles dão vacinas lá.. muita coisa mesmo. Só assim você poderá escolher o melhor lugar PARA VOCÊS para o parto. Eu visitei onde queria ter bebê com 20 semanas de gestação.

4. Quartinho do Bebê: eu sou daquelas ansiosas que comecei a montar o quartinho do baby com uns 4 meses de gestação. Agora ele já está prontinho, com a cadeira de amamentação no lugar, kit berço colocado, quadrinhos pendurados, umidificador de ar no lugar, etc!

5. Mudando nossa casa: não adianta. O baby pode ser pequeno, mas a quantidade de coisas que ele precisa é impressionante. Aqui desde que descobrimos a gravidez, começamos a reorganizar coisas. Desde a dispensa (que perdeu espaço para podermos armazenar fraldas que compramos nas promoções que achamos durante a gravidez), até o armário do meio que antes era só de toalhas e lençois (hoje tem itens do carrinho, mala que usaremos para passeio), etc. Além disso, é importante já contar a quantidade de tomadas que tem pela casa, pra comprar aqueles protetores, pra quando o baby começar a engatinhar pela casa, assim como as quinas que ganharão uma linda e nova decoração, com aqueles silicones em volta.

6. Mala da Maternidade: também comecei montando cedo a minha, com 28 semanas. Como já tinha escolhido a minha, e na visita já tinha recebido a lista, fui montando aos poucos, e com 30 semanas elas estavam prontinhas – separei uma pro bebê e outra pra mim.

7. Curso de Shantala: em breve sai aqui no site um post detalhado sobre minha experiência no curso de shantala, mas essa foi uma das coisas que achei mega interessante fazer antes do bebê nascer. A Shantala não só relaxa o bebe, como também regulariza o sono, ajuda no desenvolvimento psicomotor e ajuda a prevenir e aliviar cólicas. Geralmente são cursos de curta duração e não muito caros.

Quem mais tem dicas?

Compartilhe esse texto